sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Curiosidades curiosas do bairro de Salamanca

Olá, queridos!

     Algumas curiosidades curiosas do bairro madrilenho de Salamanca.

Será que foi homenagem ao balneário mais famoso do Rio?









Os protestos continuam: "Que eu decida a obra social"!











O pôr-do-sol iluminando o prédio da Mútua Madrilenha.











Edifício típico e simpático. É complicado escolher qual fotografar: todos são muito charmosos.

A praça dos amigos

Olá, queridos!

    Madrileando por aí encontrei uma singela pracinha. É mais bem um terreno com jardins que a clássica praça com bancos e brinquedos para as criancinhas. O que chamou a atenção foi a estátua que preside o lugar: um escultura de um homem e uma mulher abraçados. No pedestal, a inscrição: amigos. Ué!? Não dizem que "amigo de mulher é cabelereiro"? Achei o abraço muito "caliente" por assim dizer... mas gostei da homenagem à amizade. Em tempo: o autor é Santiago de Santiago.

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Arriba Franco tan alto como Carrero Blanco

Olá, queridos!

 Corria o ano de 1973. Franco, mais pra lá do que pra cá, tinha nomeado seu fiel escudeiro Luis Carreo Branco como primeiro-ministro. Com isso, os nacionalistas do ETA viam um retrocesso ou pior ainda, uma tentativa de manter a ditadura. Assim decidem matar Carrero Blanco.


   O planejamento foi relativamente simples, pois o político não era de mudar seus hábitos. Como fazia quase todas as manhãs, assistiu a missa e depois embarcou no seu carro. Entretanto, na altura do número 104 da rua Claudio Coello, os nacionalistas explodiram a dinamite colocada debaixo da rua. Com o impacto, o veículo foi para justamente no terraço da igreja. O atentado foi cruel, mas rendeu a piada: "arriba España, arriba Franco, tan alto como Carrero Blanco".

www.rumoamadrid.com.br

Mosteiro de Santo Domingo, o Real

Olá, queridos!

    Estamos desbravando aos poucos nosso novo bairro e em breve teremos vários assuntos para tratar. O primeiro post vai ser sobre uma linda igreja dedicada a São Domingos, pertencente ao mosteiro feminino de mesmo nome.






A fundação data do século 13, mas devido às expropriações e a invasão francesa, o mosteiro foi destruído. O atual data de 1882, porém sofreu os rigores da guerra civil e foi restaurado em 1943.

  









 A planta é um semicírculo rodeada de belos altares neo clássicos e as paredes cobertas de mármores. Também está ali a pia batismal onde foi batizada o santo. Felipe II mandou trasladá-la para batizar seu herdeiro e aí começou a tradição de que os príncipes espanhóis devem receber as águas batismais ali.

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Venga, hasta luego!

Olá, queridos!

        Quando as pessoas se despedem em Madri tem o costume de dizer "venga, hasta luego". São aquelas coisas da língua que ninguém entende. Afinal, se a pessoa está indo embora, por que diz "venha"? Deve estar no mesmo nível de mistério de "pois não" significar "sim" em português. Vá lá entender...

        Mas isso tudo é pra dizer que depois de um ano em Alcalá de Henares partiremos para uma nova etapa e moraremos em Madri. Sentiremos muita saudade das cegonhas, de Cervantes, da universidade... mas é preciso ficar mais perto do trabalho. É a vida. Venga, hasta luego, Alcalá de Henares! Gracias por todo!

Valle Inclán

Olá, queridos!

    No Passeio da Castelhana há uma estátua em homenagem ao escritor Ramón Valle Inclán. Para quem não sabe ele foi sobretudo um grande cronista da boemina e da vida política madrilenha, nos anos 20, uma espécie de João do Rio espanhol.

   A estátua foi erigida em 1973 e fica em frente à Bilioteca Nacional. Lugar perfeito para um escritor.

domingo, 11 de setembro de 2011

Matadero

Olá, queridos!

       Ontem foi dia de visitar um belo centro cultural madrilenho, o Matadero. Localizado no antigo matadeiro de Madri agora o lugar faz parte do parque Madri Rio e abriga exposições, teatros, cafés e é sede a Fundação Arco (de arte contemporânea).





Os edifícios foram construídos de 1911 a 1925 e cada prédio sacrificava um tipo de animal. Ali também se negociavam a carne que era vendida para os mercados da cidade. Eram mais de 60 "naves" como eram chamados e funcionou até a década de 90.






Depois de 15 anos de abandono em 2007 foi reaberto como centro cultural "alternativo". O mais interessante é que a reforma deixou praticamente intacto o exterior e o interior das construções. Hoje, além da oferta cultural, o visitante ainda conta com biblioteca, videogames e até uma mesa de ping-pong!

sábado, 10 de setembro de 2011

Placas Comemorativas de autoria de Mingote

Olá, queridos!

          Já havia mencionado aqui sobre as placas comemorativas que a prefeitura de Madri outorga aos estabelecimentos que completaram mais de cem anos. No entanto, só agora fui atrás da estória das próprias placas. Elas foram desenhadas por Mingote e são um orgulho para o comércio que as recebe. A iniciativa surgiu em 2008 e desde então já fixou as placas em bares, farmácias, lojas de doces, de roupas e acessórios, restaurantes. Só não concordo com a localização. A placa fica quase sempre ao pé da porta principal. Uma pena, pois assim fica difícil de encontrá-la e apreciá-la.

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Um ano na Espanha !

Hola !!

     Nosso blog está em festa. Exatamente hoje faz um ano que descemos aqui em terras espanholas para estudar e experimentar um pouco de como é viver longe de casa, dos amigos, e de todas as regras já conhecidas. Estamos longe de saber tudo sobre a Espanha. Na verdade, a curiosidade aumentou tanto que pretendemos ficar mais um tempo. Com saudades, claro, mas com muita vontade de aprender mais e mais.

      Obrigada a todos nossos 36 seguidores e incontáveis leitores ! Obrigada a a todos que cooperaram para nossa estância aqui. E obrigada a Papai do Céu. Descobrimos que chegamos, justamente, no dia de Santa Maria das Cabeças, a esposa de San Isidro, padroeiro de Madri.Tinha que ter uma intervenção divina...

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Goiabada

Olá, queridos!

      Morar em outro país é bom, mas às vezes muito complicado. Todo mundo pensa sobre as grandes coisas: a língua, a família, os costumes. Essas a gente se adapta. Mas como sobreviver sem os detalhes? Como passar tanto tempo sem comer goiaba? Pão de queijo? Farofa autêntica e não esse arremedo que eu faço com farinha de pão? Mas, agora, parte das minhas faltas poderão ser supridas com a loja latina que finalmente visitei em Alcalá. No meio dos mais variados produtos vindo de todas as partes da América estava lá uma GOIABADA!  Alguém deve estar perguntando se tinha queijo minas. Poxa! Claro que não! Nada é perfeito!

Café-da-manhã andaluz

Olá, queridos!

         Comida na Espanha é tão rica e variada que cada região tem seu café-da-manhã típico. O mais gostoso, na minha humilde opinião, é o andaluz: torradas com tomate e azeite. Confesso que a mistura, à primeira vista, é de revirar o estômago para o brasileiro acostumado ao café e pão com manteiga. Mas depois que a pessoa experimenta... não tem jeito ! É bom demais! www.rumoamadrid.com.br 

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Madrileños por el mundo

Olá, queridos!

       Um dos nossos programas preferidos é transmitido pela Telemadrid chamado "Madrileños por el mundo" que mostra a vida dos madrilenhos pelas cidades do mundo. Hoje, segunda, 05/09/11, o tema foi os cidadãos que vivem em Natal e em João Pessoa.


   

A plaza de toros de Alcalá de Henares

Olá, queridos!

     Acalá de Henares, como quase toda cidade espanhola que se preze, também tem sua "plaza" de touros. Chamada de "La Estudantil" foi inaugurada em 1999 em substituição à antiga arena taurina.  Um detalhe importante é que as plazas também albergam outros eventos como shows, feiras gastronômicas e festas em geral.





O mundo taurino é dividido assim como o futebol. Há lugares de prestígio, divisões de bases, estrelas e etc. A plaza de Alcalá está longe de figurar na lista de grandes lugares de corridas como "Las Ventas", de Madri ou "La Maestranza" de Sevilha.
  





No dia da Feria, entretanto, vieram os chamados "toureiros de primeira linha", os que fazem parte do "Dream Team". Esses são tratados como os craques de futebol. Aparecem em revistas da imprensa rosa, são temas de programas de variedades e alguns são contratados para a publicidade. Em Alcalá, a sensação do momento, "El Juli", veio tourear na "La Estudantil". O cachê não foi divulgado, mas o moço pode ter ganhado até US$ 150.000,00. Nada mal, hein?

domingo, 4 de setembro de 2011

Feria de Alcalá

Olá, queridos!

        Na penúltima semana de agosto celebrou-se em Alcalá de Henares a Feria ou a festa da cidade. Ao contrários das comemorações anteriores como a semana Cervantes, a medieval ou as festas religiosas, nesta ocasião não há motivo para celebrar nada. É uma festa de festa. Simplesmente para curtir o verão.

 


    Por causa da crise as atrações foram reduzidas. Houve menos shows e caras conhecidas, mas muita animação. Vieram também toureiros de renome, porém aqui não há "encierros" (aquela corrida quando soltam os animais pela rua. Se o sujeito é atropelado, o culpado é o touro).Só pude comparecer ao desfile final que é uma parada parecida a dos Reis Magos. No entanto, não há problema, pois semana que vem é a festa da padroeira !!

sábado, 3 de setembro de 2011

O Relojoeiro da Calle de la Sal

Olá, queridos!

          Já comentei em um post sobre este simpático vovô que fica em cima do letreiro da "Antigua Relojoaria" da rua do Sal. Madrileando por aí consegui filmá-lo. Apesar dos barulho que os peregrinos faziam valeu a pena registrar o momento do espetáculo. Confiram !

video

Nos vemos em 2013

Olá, queridos!

      O Papa veio a Madri e deixou um bonito recado para a cidade. A organização foi boa e os incidentes ficaram por conta de quem era contra o evento. Nada que pudesse empalidecer a festa, mas violência é sempre desnecessária.

 





    O final foi ainda mais especial para os brasileiros quando foi anunciada a sede da próxima Jornada. A brasileirada fez uma festa para comemorar no parque Madri Rio (não é homenagem). Estavam lá uma banda católica, um estande com folhetos sobre as igrejas da cidade, uma reprodução do Cristo Redentor e uma imagem de São Sebastião.



Detalhe curioso: o Cristo estava em frente a um painel com a foto da cidade, mas exatamente de costas para a vista que ele costuma olhar. Mas não teve problema porque pude ver a minha amada Niterói em uma fotografia gigante!

Sobre avós e avôs

Olá, queridos!

       Desculpem a ausência, mas não foi por estar de férias que fiquei longe daqui. Ao contrário.Estou trabalhando naquilo que mais amo na vida: ensinar. Sim, sim. Agora sou professora de francês e português !! Na Espanha, o idioma de Molière é matéria escolar. Assim, dou aula particular para quem está mal.

         Já a aula de "brasileiro". Abre parentesis: para os espanhóis, no Brasil se fala brasileiro e não português.Fecha parentesis. Já a aula de "brasileiro" é dirigida a jovens ou executivos que desejam ir ao Brasil a negócios. Fiz várias descobertas. O fonema mais difícil para os falantes de espanhol peninsular são os agudos. O "ão" não conta porque é uma desgraça para qualquer estrangeiro. Mas como no espanhol não há muito sons abertos, meus pobres alunos tem dificuldade de reconhecer quem é a avó e quem é o avô !